• RFP Comunicação

Cyborg: da ficção para a realidade


A tecnologia invadiu nosso cotidiano de maneira total. Seja em casa, na rua ou no trabalho ela está ali, presente.

Contudo algumas pessoas utilizam tal feito de um modo muito mais efetivo do que nossos simples smartphones e rede de dados. São os chamados Cyborgs.

O termo normalmente se refere a pessoas com partes artificiais, biônicas ou mecânicas, uma mistura de homem com robô. Em suma, pessoas que implantam tecnologia no corpo.

Neil Harbisson é o exemplo mais conhecido disso e foi considerado pelas autoridades o primeiro homem na história a ser, oficialmente, um cyborg. Harbisson foi diagnosticado na infância com acromatopsia, condição que o impede de enxergar as cores.

Após estudar composição musical e com a ajuda de um cientista, Harbisson desenvolveu uma antena implantada em sua cabeça, que permite perceber as cores por meio de ondas de som, atribuindo cada coloração a um tipo diferente de sonoridade.

A partir daí foi criada a Cyborg Foundation, uma fundação que incentiva as pessoas que possuem deficiências a utilizar a tecnologia a seu favor.

Muito diferente, né? O que antes era visto apenas no cinema e HQs, começa agora a dar um “oi” para a realidade.

Quer saber mais? É só assistir o vídeo aqui embaixo! =)

#tecnologia #saúde

comunicação

  • Facebook l Picolo Comunicação
  • Instagram l Picolo Comunicação
  • YouTube l Picolo Comunicação
  • Preto Ícone LinkedIn