• RFP Comunicação

Você manusearia uma revista impressa com sangue HIV+?


Se ficou na dúvida ou pensou não, essa campanha é para você.

A Vangardist, uma revista masculina alemã considerada progressista, fez uma edição limitada programada para coincidir com o Life Ball, um dos maiores eventos de caridade sobre AIDS, no mundo. Com o intuito de gerar uma análise crítica, a capa foi impressa com tinta tradicional misturada com sangue HIV positivo de três doadores, mas é segura de manusear, já que o vírus morre quando está fora do corpo humano. O conteúdo da revista inclui entrevistas com soro positivos e uma análise histórica de como nos relacionamos com a doença. A ideia foi concebida pela Saatchi & Saatchi Suíça.

Conteúdo original em inglês aqui.

#saúde

comunicação

  • Facebook l Picolo Comunicação
  • Instagram l Picolo Comunicação
  • YouTube l Picolo Comunicação
  • Preto Ícone LinkedIn